ITP foi o grande destaque do Prêmio Fapitec/SE 2018

12/04/2018

O Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP) foi o grande destaque na cerimônia de entrega do Prêmio João Ribeiro de Comunicação e Divulgação Científica e Tecnológica, promovido pela Fapitec/SE e que neste ano de 2018 chegou à nona edição. O evento aconteceu na noite desta quarta-feira, 11 de abril, no Hotel Aquarius, localizado na Orla de Atalaia. Da equipe do ITP foram premiados: os pesquisadores Álvaro Silva Lima e Ranyere Lucena de Souza - da área Ciência Exatas e da Terra e Engenharias; Ilzver Matos - da área Ciências Humanas e Sociais; a Assessora de Comunicação, Andréa Moura, e a doutoranda do Laboratório de Pesquisa em Alimentos (LPA), Kênia Marcatti de Souza, orientanda do Dr. Álvaro Lima.

Além disso, o Instituto foi homenageado pela Fundação Estadual pelos relevantes serviços prestados em prol do desenvolvimento da ciência, tecnologia e inovação no estado de Sergipe, homenagem recebida pelo presidente do ITP, Dr. Diego Menezes. “É uma honra sermos parceiros da Fapitec na jornada de fazer com que a pesquisa científica esteja cada vez mais em consonância com a necessidade social. E sermos reconhecidos pela excelência que possuímos nas áreas em que atuamos é motivo de imensa alegria, além de mais um estímulo”, declarou o Dr. Diego Menezes.

O evento foi prestigiado pelo superintendente geral do Grupo Tiradentes, Saumíneo Nascimento, que representou o professor Uchôa na homenagem recebida pela Universidade Tiradentes; pelo secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SEDETEC), José Augusto Carvalho; pela gerente de Projetos e Serviços do ITP, Alene Vanessa Azevedo dos Santos, e pelo imortal e presidente da Academia Sergipana de Letras, José Anderson Nascimento, que falou sobre a importância do patrono do prêmio, o médico sergipano João Ribeiro.

‘Ecotoxicidade e biodegradabilidade de líquidos iônicos próticos’. Este foi o tema do trabalho do Dr. Álvaro Lima, vencedor como Pesquisador Sênior da área Ciência Exatas e da Terra e Engenharias. Este é o 4º prêmio João Ribeiro que ele conquista, foram três na área de Ciências Exatas e um como executor do melhor projeto em Tecnologias Sociais. Para ele, é importante participar de iniciativas como o João Ribeiro, pois gera visibilidade para o que vem sendo desenvolvido nos laboratórios de pesquisa. “A nossa participação este ano mostra o quanto um trabalho que está sendo feito nacional e internacionalmente, com as parcerias que estão sendo firmadas, gera bons frutos para a sociedade”, declarou o pesquisador.

INCENTIVANDO MAIS PREMIAÇÕES

Foi, ainda, por causa de outro estudo realizado no LPA/ITP sob a coordenação de Álvaro Lima, que o jornalista Rafael Carvalho, da TV Sergipe, emissora afiliada à Rede Globo no Estado, conquistou o 1º lugar no prêmio em Comunicação Social e Visual - Jornalismo de TV, com a matéria “Pesquisadores descobrem novo método prático e barato para detectar a presença de herbicida em rios”.

Estreante no João Ribeiro, o Dr. Ilzver Matos afirma que conquistar como Pesquisador Sênior na categoria da qual fez parte, representa a vitória de um projeto coletivo que pleiteia o reconhecimento da pesquisa científica como instrumento de transformação social progressista. "Movimentos Sociais, Justiça e Sociobiodiversidade: pesquisas contemporâneas" é uma obra coletiva composta por duas partes: “Equidade e Justiça Social” e “Sociobiodiversidade e Fortalecimento do Movimento Social Brasileiro”.

O vencedor da categoria Ciências Humanas e Sociais afirma que o projeto premiado contém demandas por direitos e bens daqueles que mais estão fora dos bancos acadêmicos e que, por muitos anos, não tiveram oportunidade de ter um prêmio como este porque nem chegavam às universidades. “Estou muito feliz porque meu prêmio tem cor, raça e classe social”, defendeu o Dr. Ilzver Matos.

Também concorrendo pela primeira vez no prêmio realizado pela FAPITEC/SE, a Assessora de Comunicação do ITP, a jornalista Andréa Moura, obteve o 1º lugar em Comunicação Social e Visual – Jornalismo Impresso, com a matéria intitulada “Produto desenvolvido por pesquisadores do ITP pretende acelerar a cicatrização de áreas do corpo afetadas por feridas crônicas”. O texto foi fruto da pesquisa desenvolvida pelo pesquisador Ricardo Albuquerque, do Laboratório de Morfologia e Patologia Experimental, e publicada no Jornal do Dia.

“Traduzir a ciência para a população de uma forma que todos, independente da classe social a que pertençam, possam entender perfeitamente qual o objetivo de tanta dedicação, de anos de estudo e como aquilo vai impactar positivamente na vida deles é uma missão muito nobre. Sou feliz em estar tendo esta oportunidade, mais ainda, de saber que estou fazendo bem essa interlocução, pois o prêmio veio me dizer isto”, declarou.



Veja Mais

Pesquisadores do ITP desenvolvem bionseticida para combater a mosca negra do citros

Pesquisadores do ITP desenvolvem bionseticida para combater a mosca negra do citros

14/09/2018 - Por Andréa Moura A citricultura ainda continua sendo um dos principais produtos agrícolas da economia sergipana. Junto com a ...

Vice-Reitora da Universidade Massachusetts e presidente do Cambridge Institute for Brazilian Studies visitam o ITP e discutem sobre parcerias internacionais

Vice-Reitora da Universidade Massachusetts e presidente do Cambridge Institute for Brazilian Studies visitam o ITP e discutem sobre parcerias internacionais

30/08/2018 - Estreitar o relacionamento entre Sergipe e Boston, nos Estados Unidos, através da realização de projetos em conjunto na...

Presidente da CELSE fará palestra sobre usina termoelétrica para pesquisadores do ITP, alunos e professores da Unit

Presidente da CELSE fará palestra sobre usina termoelétrica para pesquisadores do ITP, alunos e professores da Unit

29/08/2018 - Nesta quinta-feira, dia 30 de agosto de 2018, às 9h, no auditório B do Bloco G, do Campus Farolândia, o presidente da Ce...

I Encontro de Iniciação Científica e Tecnológica do ITP

I Encontro de Iniciação Científica e Tecnológica do ITP

07/08/2018 - Proporcionar à comunidade acadêmica um espaço para ampla discussão e divulgação do conhecimento cie...