Colaboradores do ITP declaram apoio ao Outubro Rosa

20/10/2021

No dia D da campanha Outubro Rosa, colaboradores do Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP) aderiram ao movimento "Vista essa ideia". Nesta quarta-feira, 20, os funcionários foram convidados a usar uma peça de roupa na cor rosa em apoio à campanha de prevenção ao câncer de mama.

 As ações no ITP surgiram a partir de uma atuação conjunta entre departamentos, coordenada pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes-CIPA, com apoio da presidência do Instituto.

 “Essas ações são fundamentais para lembrar da importância dos exames preventivos. Um mês para lembrar que o cuidado com as mamas é o ano inteiro”, enfatiza Dr. Diego Menezes, presidente do ITP.

“A ideia é envolver todos com informações sobre sintomas e exames preventivos da doença. A campanha é, sim, essencial para conscientização”, pontua Ana Lúcia Menezes, Assessora da Presidência e presidente da CIPA/ITP.

 Para Fabiana Nobre, gestora do setor Contábil, a promoção de ações motivacionais na empresa é indispensável. 

“Prevenção é ação. Esse cuidado é um gesto de amor próprio. O autocuidado é fundamental e deve acontecer em todas as fases da vida. Ame a si mesmo! Cuide-se, esta é a melhor maneira de se amar e ser feliz”, ressalta.                                   

Câncer de mama

 Movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama, o Outubro Rosa foi criado no início da década de 1990 pela Fundação Susan G. Komen for the Cure. A data é celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre a doença; proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

 Dados divulgados na pesquisa Número de casos e gastos com câncer de mama no Brasil atribuíveis à alimentação inadequada, excesso de peso e inatividade física, elaborada pela Coordenação de Prevenção e Vigilância (Conprev) do INCA, revelou que cerca de 13% dos casos de câncer de mama em 2020 no Brasil (aproximadamente, 8 mil ocorrências) poderiam ser evitados pela redução de fatores de risco relacionados ao estilo de vida, em especial, da inatividade física.  

A pesquisa revelou ainda que quase 13% dos gastos federais do SUS em 2018 com o tratamento de câncer de mama (R$102 milhões) seriam poupados pela redução de fatores de risco comportamentais, mais uma vez com atenção especial à atividade física, que detém a maior fração (5%) dos casos de câncer de mama evitáveis pela adoção da prática.

A redução do número de mortes por cânceres mais incidentes, como os de mama e do colo do útero, é um dos compromissos do Brasil na Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. O objetivo é reduzir as taxas de morte de câncer de mama de 30% para 16%.

Fonte: INCA

 



Veja Mais

ITP recebe doutorando da UFRJ para ampliação de pesquisa relacionada à caracterização de petróleo

ITP recebe doutorando da UFRJ para ampliação de pesquisa relacionada à caracterização de petróleo

14/12/2021 - O doutorando, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rafael Nascimento, escolheu o Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP), em Aracaju ...

Instituto de Tecnologia e Pesquisa recebe visita do Ministro da Educação

Instituto de Tecnologia e Pesquisa recebe visita do Ministro da Educação

30/11/2021 - O Instituto de Tecnologia e Pesquisa-ITP, unidade de pesquisa científica, tecnologia e inovação do Grupo Tiradentes, fo...

Pesquisadora do ITP representa América Latina em Programa da Fundação Carolina, na Espanha

Pesquisadora do ITP representa América Latina em Programa da Fundação Carolina, na Espanha

22/11/2021 - A pesquisadora do Instituto de Tecnologia e Pesquisa e professora do Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Industr...

Ministério da Saúde, em parceria com o ITP, Unit e Lacen, promove capacitação de técnicos para identificação de vetores da Doença de Chagas

Ministério da Saúde, em parceria com o ITP, Unit e Lacen, promove capacitação de técnicos para identificação de vetores da Doença de Chagas

16/11/2021 - Com o objetivo de capacitar e atualizar técnicos que atuam na identificação de triatomíneos, insetos vetores da ...